Site responsivo: recurso básico para a “geração mobile”

Você tem um smartphone ou tablet? Utiliza esses dispositivos para acessar sites, fazer compras e navegar nas redes sociais? Pois é, o seu cliente também! Dados das mais diversas fontes comprovam o crescimento dos acessos à internet via mobile, e para atingir seu público você precisa cumprir um primeiro passo básico: estar onde seu público está.

 

Picture of office worker working on smart phone, Portland, Oregon, USAPrimeiro, alguns dados

O crescimento do acesso via mobile já vem aumentando há alguns anos. Por exemplo, em 2014 a venda de smartphones no Brasil cresceu 55%, segundo informações da consultoria IDC. Dados mais recentes, levantados pela Conversion, mostram que um em cada cinco visitantes de lojas virtuais utiliza celulares e tablets.

Existe ainda a estimativa de que até o final deste ano o comércio eletrônico fature pelo menos R$ 11,1 bilhões somente em compras efetuadas por dispositivos móveis. No último ano, 10% das vendas pela internet foram realizadas via mobile, o que representou um aumento de mais de 200% em relação a 2013.

 

E como adaptar sua empresa para a “geração mobile”?

A principal forma de atingir seu público nos dispositivos móveis é através de um projeto responsivo, seja ele um site ou um e-commerce. Já explicamos aqui no Blog da Inunda seus principais aspectos e vantagens. Basicamente, os sites com design responsivo adaptam seu layout para todos os tipos de aparelhos, seja smatphones, tablets, notebooks, entre outros. Com isso, o usuário terá uma melhor experiência e poderá acessar seu site em qualquer lugar e de qualquer aparelho.

 

design-responsivoPor que investir em um site responsivo?

Além de marcar presença e oferecer ao seu cliente uma melhor navegação, cada vez mais ter um site responsivo vem se tornando uma necessidade para qualquer marca. Há algum tempo o Google já recomendava a utilização do design responsivo, isso porque o site teria um único endereço que registraria todos os acessos e, assim, apareceria em melhores posições nos mecanismos de busca.

Neste ano, o Google levou isto a um outro patamar. Desde 21 de abril de 2015, o mesmo atualizou seu algoritmo de buscas e tornou os recursos mobile-friendly um sinal de ranqueamento. Dessa forma, os usuários encontram mais conteúdos de site mobile, o que também faz com que os sites responsivos passem a aparecer com mais facilidade nos resultados de busca.

Resumindo: se o seu site não for responsivo, ele terá cada vez menos relevância para os mecanismos de busca (principalmente o Google) e, consequentemente, perderá visibilidade nas buscas e tráfego.

 

Muito mais que uma simples tendência, um site responsivo hoje é uma necessidade. Para ser encontrado é preciso estar presente nos meios de comunicação que seu público utiliza e proporcionar ao mesmo uma boa experiência. Aqui na Inundaweb você pode optar por um projeto responsivo e atender as novas necessidades do mercado.

Maria Eduarda Gavazzoni

Maria Eduarda Gavazzoni Comunicóloga Institucional, sou redatora web e trabalho com produção de conteúdo e social media na Inundaweb. Pode me chamar de Duda.

Respeitamos sua privacidade, NUNCA enviamos spam!